plan cul gratuit - plan cul marseille - voyance gratuite en ligne

Vocabulário didático, porém simples, é possível?

Vocabulário didático, porém simples, é possível? 1

Uma das missões do marketing de conteúdo é gerar autoridade perante o público e o mercado.

E uma das melhores formas de conseguir esse efeito é mantendo um blog ativo e atualizado para sua empresa.

E, para criar os conteúdos para abastecer esse canal, porém, muitos se deparam com um desafio: como conseguir escrever um texto informativo, relevante, original e que seja fácil de ler?

E essa é uma pergunta muito justa!

Para o marketing de conteúdo, pouco adianta você ter excelentes artigos que só conseguem ser lidos e assimilados por uma minoria.

Para entender melhor o que isso significa, continue aqui.

Marketing de conteúdo: como criar artigos que conquistam?

É muito comum acreditarmos que, para um texto ser didático e ter valor, ele não pode ser simples.

Bem, em partes isso é verdade. O conteúdo deve ser rico e relevante, como já dissemos.

Porém, não quer dizer que o vocabulário deva ser rebuscado, com termos de difícil entendimento e que a pessoa que o lê precisa de um dicionário ou do Google para procurar significados.

Ou seja, a linguagem deve ser simples e clara.

Primeiramente porque ser didático não significa apenas passar informações, mas sim, fazer isso de um jeito que o leitor entenda.

E a internet é repleta de opções. Isso quer dizer que, se o seu leitor não se sentir atraído ou entender seu artigo, basta ele aperta um botão, voltar e escolher outra fonte de informação.

E acredite: dificilmente ele voltará a procurar algum conteúdo em seu blog.

Por isso, facilitar seus textos é essencial para o seu marketing digital.

E como fazer isso? Confira abaixo 4 dicas que separamos para ajudar você para que o conteúdo de seus textos sejam mais leves e mais atraentes para sua audiência.

1.Utilize frase curtas

Quanto mais longa uma frase, maiores as chances de que ela não seja entendida pelo leitor.

Isso se dá pelo fato de que cada frase forma um pensamento. E se ela for estendida, ficará difícil de assimilar. As orações mais curtas e pausadas facilitam esse entendimento.

Trabalhar com uma margem de 10 a 20 palavras por frase é o ideal para conseguir ser relevante e compreendido.

2.Utilize perguntas, mas não se esqueça das respostas

Utilizar perguntas em seu texto é uma excelente forma de fazer com que seus leitores acompanhem seu pensamento.
Como?

Fazendo as perguntas e trazendo a reposta na sequência.

Essa é uma técnica que propõe se antecipar a possíveis questionamentos dos leitores conduzindo-os pelo seu argumento.

Além disso, ela ajuda a reter a atenção de quem está lendo de modo a apresentar problemas e soluções na sequência.

3.Cuidado com as palavras

Um texto simples não é feito apenas de palavras, mas de sua estrutura.

Isso significa que o vocabulário não importa?

Não é bem assim.

As palavras utilizadas em um texto importam, e muito, na compreensão de quem o lê.

Porém, utilizar palavras mais usuais é sempre uma ótima saída para evitar que o leitor não entenda a ideia passada.

Para ajudar, procure avaliar situações em sua escrita, como:

  • Se a sua motivação for puramente estética, opte pelo simples;
  • Se o seu público-alvo for técnico, considere o uso de palavras complexas e de termos técnicos;
  • Se não acredita haver uma palavra equivalente simplificada, faça com que ela seja entendida pelo contexto ou explique seu significado.

4.Regras podem ser quebradas

Regras gramaticais são importantes e elas existem por um motivo: regular a escrita em um idioma.

Acontece que, em nosso dia a dia, muitas vezes, utilizamos expressões e formas que fogem e quebram essas regras.

Quebrar uma ou outra regra gramatical, como sobre a utilização de uma próclise e uma ênclise, em seu artigo para deixá-lo mais legível é uma atitude inteligente.

Em determinados nichos, onde a formalidade não é necessária, isso pode ser fundamental.

Estamos falando que você não deve se preocupar com a gramática?

Não!

A preocupação com a gramática é importante. Inclusive para dar credibilidade ao artigo, porém, entre se prender a uma regra e a fluidez da leitura, fique com a segunda opção.

Gostou deste artigo? Acompanhe nossos canais nas redes sociais e tenha acesso a mais dicas para levar seu negócio ao sucesso!

Até a próxima!

Postado por: Cento e Vinte | www.centoevinte.com.br

ARTIGOS RELACIONADOS

CMO-glossário-120-marketing-digital-para-agência-de-marketing-digital-cento-e-vinte-marketing-digital-para-001

CMO

Chief Marketing Officer (CMO), ou Diretor de Marketing, é o profissional que coordena todas as decisões relacionadas ao marketing da empresa. O CMO é a

Smp-glossário-120-marketing-digital-para-agência-de-marketing-digital-cento-e-vinte-marketing-digital-para-001

SMP

No marketing digital, o Social Media Policy (SMP), ou Políticas de Mídias Sociais, é um conjunto de regras que determinam o comportamento adequado de uma

Entre em Contato