Fique tranquilo, seu email está completamente SEGURO conosco.

O futuro do turismo de luxo e o marketing

Cento e Vinte 25/01/2019 Nenhum comentário Atração
  • Compartilhe:

 

cento e vinte o futuro do turismo de luxo e o marketing Post-Blog

Embora o termo “turismo de luxo” nos remeta a preços elevados, nem sempre viagens luxuosas precisam ser extremamente caras.

Esse tipo de turismo também é voltado para a realização de sonhos e desejos de grande parte das pessoas, e não apenas das mais abastadas.

No entanto, é preciso lembrar que os custos existem e, quanto maior o sonho, mais caro fica sua concretização.

Tudo gira em torno de um bom planejamento e do que o orçamento é capaz de pagar pela tão sonhada viagem.

Apesar dos últimos anos terem sido bem difíceis por aqui, destinos pomposos não foram afetados pela crise.

Tem, inclusive, estimativas de que o número de milionários em nosso país aumente em 37%, de acordo com dados do banco Credit Suisse.

E para traçar o melhor roteiro é preciso buscar ajuda de quem conhece o assunto.

Em março de 2018, o evento Turismo no Luxo discutiu as novas tendências desse mercado. Muitos pontos foram discutidos, mas destacou-se o uso da tecnologia.

E este ano esse assunto deverá continuar a ser ponto importante para falar sobre novidades e tendências no setor, conectividade, tanto no hall quanto nos quartos e até mesmo robôs na recepção, uma vez que continua em destaque não só no turismo, mas em outros nichos também.

E, é claro, a experiência do consumidor!

Turismo de luxo: o mais importante é a experiência do consumidor

Para exemplificar toda essa importância que a experiência do consumidor nos traz, no coração de Londres, o hotel The Dorchester, inaugurado em 1931, é sinônimo de luxo, sofisticação e glamour.

Lá a direção tem como principal objetivo manter a satisfação de seus hóspedes. Uma das principais preocupações está em garantir que as expectativas deles sejam atendidas.

Para isso, fazem pesquisas constantes com seus clientes e estão sempre atentos às inovações e modernizações do setor hoteleiro.

O turismo de luxo, a toda hora, vai lidar com um público mais exigente. Em razão disso, o alto padrão é requisito básico.

A excelência no atendimento é o que vai fazer a conexão entre empresa e turista. Por isso, a experiência do consumidor ficou ainda mais intimista.

Nesse quesito, o que se tem pensado para agradar cada vez mais o cliente é proporcionar exclusividade.

Quando a experiência do consumidor é exclusiva, ela se torna ainda mais especial.

Como fazer isso?

Para começar, não necessariamente não envolve luxo ou tecnologia. Há resorts que oferecem, por exemplos, passeios em trilhas no meio da floresta.

Muitos turistas buscam algo mais recluso para descansar e se desligar do mundo real e conectado.

Há também passeios em vinícolas, safaris ou então oportunidade de colher azeitonas em campos de plantio.

Diferente, não?

Os bons resultados da estratégia de marketing

Ter essas ideias e resultados positivos não é algo que acontece da noite para o dia e nem de forma fácil.

Tudo acontece quando a estratégia de marketing é bem elaborada e, ainda, bem executada.

Ela exige muita pesquisa e conhecimento detalhado do público-alvo, de suas vontades, necessidades.

Assim você é capaz de definir objetivos claros, tomar as melhores decisões, utilizar as ferramentas corretas, dentre outros fatores.

E, por ser um mercado competitivo, o turismo de luxo tem procurado notoriedade pelo atendimento oferecido.

Ao disponibilizar um produto, o objetivo fundamental deve ser sua aceitação, aquela idealizada pelo departamento de marketing no momento de desenhar a estratégia de marketing.

Leia também: estratégias para o lançamento de um novo produto.

Dito isso, o que é oferecido deve ser de fato o que o cliente recebe. Por isso estratégia de marketing e a experiência do consumidor andam sempre juntas.

Outro exemplo, que talvez seja bem representativo, é a Copa do Mundo de 2022.

O mundo está na expectativa do que o Catar, país-sede do mundial, irá apresentar em um dos eventos mais aguardados dos próximos anos.

Logo após o fim da Copa do Mundo no Brasil, já foi apresentado um vídeo que mostra como serão os estádios por lá. Para ter um gostinho, assista aqui.

Por lá o trabalho já começou e estão construindo, literalmente, uma nova cidade para receber jogadores e turistas.

A estimativa é a de que serão gastos centenas de bilhões de dólares para a construção de estádios de padrão altíssimo, além de toda infraestrutura da cidade.

Lusail, uma cidade no deserto, a uma distância de 25km de Doha, capital do Catar, será palco do imponente estádio onde será feita a abertura e a final do campeonato.

Nesse oásis no meio “do nada”, é previsto que tenham: mais de 20 hotéis, parques, ilhas artificiais, marinas e residências, com capacidade de abrigar uma população que beira 300 mil pessoas, segundo dados locais.

Todas essas ações visam marcar o evento pela excelência, requinte e luxo.

E aí, deu vontade de desbravar o país e o mundo em busca de experiências de consumo de luxo?

Deu para se inspirar um pouco para pensar em novas ideias e criar estratégias para atrair um público que busca e está disposto em investir em turismo de luxo?

Gostou deste artigo? Continue acompanhando nosso blog e tenha acesso a mais dicas de marketing para sua empresa.

Que a força esteja com você!

Até a próxima!

Postado por Cento e Vinte | www.centoevinte.com.br